SIC

Perfil

A SIC é a televisão mais vista de 2019

A SIC é a televisão mais vista de 2019

O mês de maio confirma, a SIC é a televisão preferida dos portugueses!

“Golpe de Sorte” é o programa mais visto no horário nobre

SIC AUMENTA LIDERANÇA EM MAIO

- Mudança histórica na liderança das audiências ganhou ainda mais força em maio, com a SIC a ser novamente o canal mais visto, aumentando para 2.8 p.p. a distância para a TVI

- SIC é líder no ano de 2019 com 18.9% de share

- A série “Golpe de Sorte”, a mais recente aposta da SIC na ficção nacional, estreia a liderar com números históricos e dá à SIC a liderança em prime time

- O regresso da rúbrica apresentada por Conceição Lino, “E Se Fosse Consigo?” estreia a liderar

- “Primeiro Jornal” e “Jornal da Noite” lideram nos 7 dias de semana

- “Quem Quer Namorar com o Agricultor?” manteve a liderança nas noites de domingo e na faixa das 19 horas nos dias úteis

- Em maio a SIC mantém-se imbatível no “daytime”, com Cristina Ferreira a liderar manhãs, João Baião nas manhãs de fim-de-semana e Júlia Pinheiro nas tardes

- SIC Notícias mantém-se como o canal de informação mais visto pelos portugueses e alcança em maio o melhor mês do ano

A SIC consolidou em maio a liderança de audiências e é a estação mais vista no ano de 2019. A estação da IMPRESA terminou o mês de maio a liderar com 19.2% de share, subindo 0.3 p.p. face a abril e aumentando a distância para a TVI de 1,9 p.p. para 2.8 p.p.. A SIC lidera no ano de 2019 com 18.9% de share contra 17.8% de share da TVI.

A liderança estende-se aos targets comerciais. No A/B C D 15/54, a SIC liderou em maio, no universo dos canais generalistas, com 17.9% de share, contra os 11.1% da TVI e os 8.3% da RTP1. No target A/B C D 25/54, a SIC liderou em abril, no universo dos canais generalistas, com 18.6% de share, contra os 11.0% da TVI e os 8.6% da RTP1.

A série ‘Golpe de Sorte’, a mais recente aposta da SIC na ficção nacional, estreou a 27 de maio em horário nobre e liderou em termos absolutos com 29.5% de share e 14.0% de audiência média, o que corresponde a 1 milhão 354 mil e 400 telespectadores que acompanharam a novela do primeiro ao último minuto, fixando-se 10 pontos de share acima do resultado do principal produto concorrente. Desde a estreia da série Golpe de Sorte, a SIC lidera todos os dias em prime time.

O regresso da rúbrica apresentada por Conceição Lino, “E Se Fosse Consigo?” estreia a liderar e termina o mês de maio com 24.1% de share e 11.1% de audiência média, o que corresponde a 1 milhão 78 mil e 400 telespectadores.

“JORNAL DA NOITE” É O PROGRAMA DE INFORMAÇÃO MAIS VISTO EM PORTUGAL

Em maio, o “Jornal da Noite” foi o programa de informação mais visto em Portugal, de segunda a domingo, terminando o mês a liderar com 20.2% de share. A rúbrica “O Polígrafo” também terminou o mês de maio a liderar, no universo dos canais generalistas, com 23.5% de share.

O outro destaque vai para o “Primeiro Jornal”, que terminou o mês a liderar, de segunda a domingo, em termos absolutos com 27.1% de share.

A informação da SIC (Primeiro Jornal + Jornal da Noite) manteve assim a liderança em maio tanto no universo como em ambos os targets comerciais (A/B C D 15/54 e A/B C D 25/54).

CRISTINA FERREIRA CONTINUA IMBATÍVEL NAS MANHÃS

No período horário da manhã (entre as 08h e as 14h) a SIC consolidou a liderança e subiu 1.7 p.p. face a abril terminando o mês de maio com 23.2% de share. De destacar, mais uma vez, a performance do “Programa da Cristina” que terminou o mês de maio a liderar em termos absolutos com 29.9% de share e 4.3% de audiência média, o que corresponde a 412 mil telespectadores.

Destaque também para as manhãs de fins-de-semana – “Olhó Baião!” – que terminou o mês de maio a liderar, no universo dos canais generalistas, tanto no universo como em ambos os targets comerciais.

“JÚLIA” LIDERA TARDES

No período horário da tarde (entre as 14h e as 20h), a SIC consolidou a liderança que já tinha alcançado no final de 2018 e terminou o mês de maio com 17.8% de share. De destacar a performance do programa de Júlia Pinheiro que terminou o mês de maio a liderar no universo dos canais generalistas com 17.8% de share e 3.1% de audiência média, o que corresponde a 300 mil e 300 telespectadores, bem como o programa diário de “Quem Quer Namorar com o Agricultor?” que também

manteve a liderança no universo dos canais generalistas, no horário das 19h aos dias úteis, e terminou o mês de maio com 25.2% de share e 8.5% de audiência média, o que corresponde a 824 mil e 900 telespectadores.

Para o bom desempenho das tardes da SIC contribuíram também, aos dias úteis, o programa “Linha Aberta” e as novelas “Amor Maior” e “Avenida Brasil” que terminaram o mês de maio a liderar, no universo dos canais generalistas, tanto no universo como em ambos os targets comerciais.

Aos fins-de-semana, o magazine Alta Definição, terminou o mês de maio a liderar, no universo dos canais generalistas, tanto no universo como em ambos os targets comercias. O E-Especial, o Fama Show e os filmes da tarde também terminaram o mês de maio a liderar, no universo dos canais generalistas, em ambos os targets comerciais.

SIC LIDERA TARGETS COMERCIAIS NO HORÁRIO NOBRE

No prime time, a SIC manteve a liderança em maio, no universo dos canais generalistas, em ambos os targets comerciais (A/B C D 15/54 e A/B C D 25/54). No target A/B C D 15/54, a SIC liderou com 19.0% de share, contra os 15.2% da TVI e a RTP1 terminou com 10.0% de share. No target A/B C D 25/54, a SIC liderou com 19.7% de share, contra os 14.8% da TVI e os 10.4% da RTP1.

Para além da liderança da mais recente aposta da SIC na ficção nacional com a série Golpe de Sorte, as novelas “Alma e Coração”, “Vidas Opostas” – que chegou ao fim durante o mês de maio – e “Segundo Sol” também contribuíram para a boa performance da SIC em prime time e terminaram o mês de maio a liderar, no universo dos canais generalistas, em ambos os targets comerciais (AB C D 15/54 e A/B C D 25/54).

No prime time de domingo o programa “Quem Quer Namorar com o Agricultor?” manteve em maio a liderança, no universo dos canais generalistas, com 23.7% de

share e 10.8% de audiência média, o que corresponde a 1 milhão 45 mil e 700 telespectadores.

Audiências Diárias em Share% – maio 2019 (Live+Vosdal)

maio 2019

abril 2019

ano 2019

Universo

ABCD25-54

Universo

ABCD25-54

Universo

ABCD25-54

RTP1

12.7

8.6

11.7

7.3

12.1

8.1

RTP Outros*

3.7

3.3

3.3

2.7

3.4

2.9

SIC

19.2

18.6

18.9

18.4

18.9

18.6

TVI

16.4

11.0

17.0

12.2

17.8

12.4

Subscrição TV

36.9

43.2

36.6

43.0

36.5

42.7

Outros

11.1

15.3

12.4

16.4

11.3

15.2

*RTP Outros = RTP2 + RTP3 TDT + RTP Memória TDT, a partir de 1 de janeiro de 2017

Fonte: Dados GfK/CAEM

CANAIS SIC MANTÊM LIDERANÇA

O grupo de canais SIC manteve a liderança em maio com 22.9% de share contra 18.7% do universo TVI e 17.4% do universo RTP. Nos targets comerciais A/B C D 15/54 e A/B C D 25/54 o grupo de canais SIC consolidou a sua liderança e terminou com 22.4% de share e 23.4% de share respetivamente.

Audiências por grupo de canais (share%) – maio 2019 (Live + Vosdal)

maio 2019

abril 2019

ano 2019

Universo

ABCD25-54

Universo

ABCD25-54

Universo

ABCD25-54

Canais RTP

17.4

12.7

15.9

10.7

16.4

11.8

Canais SIC

22.9

23.4

22.4

22.8

22.4

23.2

Canais TVI

18.7

13.1

19.1

14.2

20.1

14.5

Fonte: Dados GfK/CAEM

SIC NOTÍCIAS É O CANAL DE INFORMAÇÃO MAIS VISTO

No universo dos canais por subscrição, a SIC Notícias continua a ser o canal de informação mais visto pelos portugueses terminando o mês de maio com 2.0% de share, subindo 0,3 p.p. face a abril, alcançando o melhor mês do ano. A cobertura das eleições europeias a 26 de maio por parte da SIC Notícias destacou-se pela liderança consolidada ao longo de toda a noite, a larga distância dos principais concorrentes.

A SIC Mulher terminou o mês de maio com 0.9% de share, a SIC Radical com 0.4% de share, subindo 0,1 p.p. face a abril, a SIC K com 0.3% de share e a SIC Caras com 0.2% de share.

nas redes

pesquisar