Perfil

SIC

Aprenda a cuidar dos eletrodomésticos!

Damos-lhe as dicas para que as suas máquinas funcionem a vida inteira.

Os eletrodomésticos tornaram-se uma parte fundamental do nosso quotidiano, criados para nos facilitar a vida, a verdade é que já não nos imaginamos a viver sem eles. Infelizmente, nem os eletrodomésticos topo de gama duram para sempre e as avarias acontecem… No entanto, podemos minimizar os estragos e prolongar a vida útil destes preciosos utensílios, tendo algum cuidado com a sua manutenção…





REGRAS BÁSICAS PARA QUALQUER ELETRODOMÉSTICO





Sempre que adquirir um novo eletrodoméstico leia atentamente o livro de instruções, sobretudo a parte final do manual onde estão indicadas as precauções a ter em conta.



Qualquer eletrodoméstico pode substituir as borrachas de vedação (forno, frigorífico, máquina de lavar roupa, máquina de lavar loiça, etc), não sendo necessário um grande custo financeiro. Esta substituição possibilita um aumento quase total da eficiência do aparelho.





FRIGORÍFICO



1- Evitar excessivas aberturas, pois de cada vez que abrimos o aparelho estamos a "meter" calor e para repor a temperatura ideal o compressor terá que trabalhar em contínuo. Por exemplo, quando estamos a fazer o jantar, retirar tudo o que achamos que vamos necessitar logo de uma vez, reduzindo assim o nº de aberturas.



2- Sobretudo no verão, não se deve forçar o frigorífico a fazer muito frio... Ou seja tentar evitar colocar o aparelho no mínimo, pois isso vai forçar o aparelho a trabalhar mais. Claro que isto é exatamente o contrário do que estamos habituados a pensar e fazer!



3- Encher o frigorífico de alimentos quando vimos do supermercado contribui também para um "esforço" do aparelho, uma vez que o vamos "obrigar" a fazer mais frio, mais depressa, para refrescar os alimentos que acabámos de colocar lá dentro.



4- Na parte posterior da parede frigorífica existe um buraquinho, para onde cai a água que se vai criando durante o processo de refrigeração que deverá ser limpo e desentupido.



5- É muito importante efetuar uma limpeza às borrachas das portas com água morna e bicarbonato de sódio ou sabão neutro para que estas não criem excesso de sujidade e acabem por se danificar. As borrachas em mau estado de conservação tornam a vedação menos eficaz e consequentemente levam a um desperdício de energia.



6- Devemos ter sempre atenção de não colocar alimentos quentes dentro do frigorífico.



Congelador



1- Proceder com regularidade à descongelação do frigorífico / arca congeladora (desde que não seja No Frost), 2 vezes ao ano, no mínimo, de modo a não criar um excesso de gelo e consequentemente um desperdício de energia.



2- Este tipo de aparelhos deverá ser colocado em zonas frescas e bem ventiladas da cozinha. Se estiver próximo de calor, irá trabalhar mais para tentar compensar a temperatura à que está a ser sujeito.





MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA





1- A máquina de lavar louça deve ser limpa por dentro de tempos a tempos (depende do tipo de uso que se dá ao aparelho). Existem no mercado detergentes próprios para efetuar esta limpeza mas pode fazê-la apenas com um programa de água mais quente.



2- Não se deve colocar a louça na máquina com resíduos de alimentos, mas também não é necessário "lavar" a louça à mão antes de a colocar na máquina. Deve-se apenas retirar os resíduos dos alimentos. Não se deve passar a louça por água quente, pois a gordura existente na louça é que contribui para uma lavagem melhor.



3- Devemos deixar a máquina com a porta entreaberta. Quando leva algum tempo até lavar a loiça fazer um programa "amolecimento". Não fica caro, porque é uma simples metida de água.



4- Existem estudos que indicam que uma lavagem de loiça na máquina menos custos que lavagem à mão.



5- Deve-se efectuar uma limpeza, ou verificação dos filtros (no fundo da cuba da máquina) da máquina para que estes não acumulem excesso de resíduos.



6- Não esquecer de colocar sal na máquina, sobretudo em zonas em que a água seja mais dura, mesmo que utilizemos pastilhas com tudo incorporado



7- Não se devem colocar na máquina: porcelanas com pintura À mão, pratas ou latão… Além de ficarem manchados, podem danificar a máquina.





MÁQUINA DE LAVAR ROUPA







1- Tendencialmente as pessoas pensando que tal contribui para uma lavagem mais eficaz, acabam por exagerar nas doses de detergente que usam. Não só é um desperdício de dinheiro, de ambiente, como ainda pode causar alergias, uma vez que podem ficar resíduos de detergente na roupa e fazer mal à pele.



2- A limpeza da gaveta do detergente é fundamental, pois o detergente por norma acaba por se ir ali acumulando e deteriorando quer o interior da máquina quer o próprio exterior (pontos de ferrugem na gaveta)



3- Verificar/ limpar o filtro é fundamental, pois é ali que se acabam por concentrar as pequenas coisas que por vezes ficam na máquina (como botões, moedas, etc)



4- Para a lavagem de peças de roupa pequenas como: cuecas, meias, soutiens, etc, é fundamental utilizar os saquinhos de rede próprios, para que estas peças não se "escapem" para o interior da máquina e bloqueiem o funcionamento.



5- É fundamental não carregar em excesso a máquina, pois tal faz com que a roupa não saia tão bem lavada e acabe por desgastar a estrutura interna da máquina, pois o peso em excesso danifica.



6- Existem no mercado produtos específicos (desencrustantes) para a lavagem da máquina, mas basta uma lavagem com água quente, sem roupa. Sempre é melhor do que não fazer nada.





FORNOS (de fogões ou não)





1- Deve ter-se muito cuidado com o uso de detergentes para a limpeza do forno, pois uma grande parte dos mesmos contém componentes abrasivos o que com o tempo acaba por deteriorar o interior do forno.



2- No caso de ter um forno com limpeza pirolítica, não andar sempre a fazer esta limpeza, pois é suposto que o forno "crie" uma certeza sujidade para depois sim se proceder à limpeza pirolítica.



3- É muito importante limpar convenientemente as borrachas e verificar se elas estão a vedar corretamente o forno



4- De forma a reduzir o consumo de energia é conveniente desligar o forno antes de terminar a cozedura dos alimentos, aproveitando o resto do calor residual que fica.



5- Utilize a iluminação para vigiar os cozinhados, evitando abrir a porta do forno.



6- Os recipientes de cerâmica ou vidro são os mais eficazes para utilizar no forno.



7- Verifique regularmente as juntas e as borrachas de vedação, substituindo as que estejam gastas ou com fissuras, de modo a evitar perdas de calor.





ASPIRADORES





Quando adquirir um aspirador ou qualquer outro eletrodoméstico leia sempre o manual de instruções. Muitos clientes reclamam que os seus aspiradores ao fim de algum tempo desligam-se deixando de funcionar por vários minutos. Os aspiradores deixam de funcionar porque o motor sobreaquece e dispara um elemento de segurança que impede o motor de receber alimentação energética e por consequência deixa de funcionar por minutos até que o motor novamente arrefeça. Se está a deparar-se com esta situação já é altura de ter alguns cuidados de manutenção.



1- Identifique se o seu aspirador tem filtro, primeiro use uma trincha grossa e remova todo o pó que puder, em seguida lave o filtro com um pouco de sabão azul e branco. Caso não volte a sua cor original não se preocupe.



2- Em seguida troque o saco do aspirador ou se for bagless remova tudo o que se encontra dentro do recipiente de retenção. É muito importante verificar se os sacos estão cheios. Caso seja um aspirador de água é muito importante limpar os filtros e o recipiente.



MICROONDAS:





1- Nunca limpe o seu micro-ondas com produtos abrasivos.



2- Tenha cuidado com os plásticos que coloca no seu interior e com metais.

nas redes

pesquisar